Roberto Santiago
Textos e reflexões
Capa Meu Diário Textos Fotos Perfil Livros à Venda Prêmios Livro de Visitas Contato Links
Textos



DIAMANTINA, CONTRATES DE UMA CIDADE HISTÓRICA


Aproveitei o feriadão prolongado e fui visitar a famosa e histórica cidade mineira de Diamantina, localizada no Alto Jequitinhonha. Muito interessante a cidade pelo seu patrimônio histórico e cultural. Tudo muito conservado. No centro histórico tem-se a impressão de estar no século XVII ou XVIII pela quantidade incrível de casarões e igrejas bem conservadas. A população local é bem educada e hospitaleira. Diamantina possui muitos atrativos que vale uma visita: museu dos escravos, casa de Chica da Silva, casa de JK, dezenas de igrejas históricas, centenas de belos casarões, bares, boa rede hoteleira, livraria com excelente acervo de livros que contam a história da região, clima ameno e agradável e está integrada ao circuito da Estrada Real. Enfim, a cidade é um convite para um passeio diferente para quem curte história e cultura.

Mas, nem tudo são flores em Diamantina. Fora do circuito histórico da cidade tem-se a impressão de uma cidade mal cuidada. Ruas esburacadas e sem passeios para pedestres é a regra. A principal rua que dá acesso ao centro histórico da cidade é simplesmente uma tragédia. Como pode uma cidade turística como Diamantina ter ruas tão ruins. Como não há calçadas, pedestres e veículos disputam espaço. As praças são feias e descuidadas.

Pelo seu valor histórico e respeito ao cidadão diamantinense e ao turista, a cidade merece ser mais bem cuidada. Não basta preservar a parte histórica da cidade que é digna de elogios. Deve-se preservar o todo propiciando melhor qualidade de vida ao povo local e ao turista. Diamantina merece!

__________
Autor do texto:
Roberto Carlos Morais Santiago
Enviado por Roberto Carlos Morais Santiago em 06/06/2010
Alterado em 08/08/2012
Copyright © 2010. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Comentários